Sutura

Endoscópica

Ficou conhecido popularmente como Gastroplastia Endoscópica

Dr. Guilherme Antoniette, responsável pela Clínica Endonette, esclarece dúvidas  sobre obesidade, causas, consequências e tratamentos.

A Sutura Endoscópica, popularmente conhecida como “bariátrica por endoscopia”, é comparada ao procedimento de cirurgia bariátrica pela técnica sleeve, isso devido ao padrão tubular que o estômago fica após o procedimento.

Este procedimento é realizado 100% por endoscopia, sem cortes e o paciente volta para casa no mesmo dia. O estômago do paciente tem seu tamanho reduzido de forma significativa, levando a uma expectativa de perda de peso estimada em cerca de 30% do peso total.

O procedimento consiste na realização de pontos no estômago, o deixando em forma tubular, semelhante a gastroplastia vertical cirúrgica, ela tem menor risco e retorno às atividades de forma rápida e segura. A sutura endoscópica não causa déficit absortivo, somente restritivo e desta forma, desnutrição, anemias e deficiência de vitaminas não ocorrem.

Cerca de 4 horas após o procedimento, o paciente recebe alta e volta para casa, tendo o prazo de recuperação semelhante ao do procedimento de balão intragástrico.

Junto com o procedimento de sutura endoscópica, o paciente será acompanhado por uma equipe de nutricionista, que irá lhe ensinar a forma correta de comer, já psicólogo o fará compreender as causas que o levam a comer de forma compulsiva, enquanto o médico irá tratar da saúde, fazer o acompanhamento clínico e exames, e a enfermeira cuidará do dia a dia. O objetivo é realizar reeducação alimentar.

Ele é indicado a pessoas que estejam com IMC acima de 30 (não tem limite máximo), e pessoas que já realizaram cirurgia bariátrica e voltaram a ganhar peso podem realizar este procedimento para voltar ao peso normal.

Dr. Guilherme Antoniette - Clinica Endonette - Sutura Endoscópica

Perguntas frequentes

Bariátrica por Endoscopia

O que é a Sutura Endoscópica?


A Sutura Endoscópica é um procedimento de redução do estômago, minimamente invasiva, realizada através de endoscopia.




O que acontece durante o procedimento?


Um dispositivo endoscópico de sutura reduz o volume do estômago, resultando em forma de um tubular. O paciente é anestesiado, o médico realiza uma série de suturas inseridas em um padrão específico, realizado da parte distal do estômago (antro) até o fundo gástrico.




Como o estômago é reduzido?


Através dos pontos dados no estômago, ele diminue o volume gástrico total, o que gera maior sensação de saciedade ao ingerir quantidade menor de alimentos.




Quem pode fazer este procedimento?


Indicado à pacientes que se enquadram nos tipos de obesidade de Grau l e ll. Também muito indicado à pacientes que já passaram por cirurgia bariátrica onde tiveram reganho de peso após 2 anos.




Benefícios do procedimento?


Através do procedimento endoscópico diminui-se os riscos do paciente quando comparado com a cirurgia bariátrica.




Quais são os possiveis efeitos colaterais e complicações?


Prevê-se que irão sentir pouco ou nenhum desconforto durante o procedimento. Menores efeitos colaterais podem incluir dor de gás por distensão abdominal, náuseas, dor de garganta, e possíveis sangramentos (autolimitados). Como os sintomas podem variar ou ser mais intensos em alguns casos, esclareça todas suas dúvidas em consulta com médico.




Processo de recuperação do procedimento?


Os pacientes devem retornar à sua rotina normal dentro de 72 horas após o procedimento de sutura endoscópica. Seguindo uma dieta individualizada sob a supervisão da equipe de nutrição, assim como a prática de exercícios físicos de 10 a 15 dias após o procedimento.




O procedimento é coberto pelo plano de saúde?


Esse procedimento é recente e ainda não está no roll da ANS, por isso ele é somente particular.





Calcule seu IMC

Instruções:

 

Descreva da seguinte forma:

 

Altura: 1.60 (separado por ponto)

Peso: 80.500 (separado por ponto)

Tabela de resultados

IMC Categoria

 

   Resultado                              Situação

Abaixo de 17                  - Muito abaixo do peso    

Entre 17 e 18,49             - Abaixo do peso             

Entre 18,5 e 24,99          - Peso normal                  

Entre 25 e 29,99             - Acima do peso              

Entre 30 e 34,99             - Obesidade I                  

Entre 35 e 39,99             - Obesidade II (severa)   

Acima de 40                   - Obesidade III (mórbida)

Calculo Manual:

 

O cálculo do IMC é feito dividindo o peso (em quilogramas) pela altura (em metros) ao quadrado.

Por exemplo, se o seu peso é 80kg e a sua altura é 1,80m, a fórmula para calcular o IMC ficará:

IMC = 80 ÷ 1,802

IMC = 80 ÷ 3,24

IMC = 24,69

  • Youtube - Clínica Endonette
  • Facebook - Clínica Endonette
  • Instagram - Clínica Endonette

Links Uteis

CFM

CRM/SP

SOBED

SBCBM

G1

BLOG

Responsável Técnico: 

Dr. Guilherme Antoniette

CRM/SP: 79.160 – RQE n° 40.632

Dr. Guilherme Antoniette - Clínica Endonette - Balão Intragástrico - Plasma de Argônio - Sutura Endoscópica - Santos - Baixada Santista - ABC